Blog

Alzheimer Memória Prevenção

Problemas de Memória no Idoso

Problemas de Memória no Idoso

O cérebro do idoso sofre modificações, mas isso não significa que é normal o idoso ter problemas de memória.

Uma das principais preocupações que surge com o envelhecimento é o aparecimento de problemas de memória, mas qual é o limite entre o normal e o patológico?

Pessoas mais velhas realmente podem apresentar alguns esquecimentos, mas estes se restringem à situações que não devem impactar em suas atividades de vida diária.

Isso significa que pode ser normal esquecer onde guardou objetos e nomes de pessoas que acabou de conhecer ou as quais não convive há algum tempo.

Idosos também têm mais dificuldade em realizar várias tarefas mentais ao mesmo tempo, como cozinhar, conversar e pensar simultaneamente.

Em resumo, com o envelhecimento normal a memória tende a ficar mais lenta, mas não deve falhar completamente. 

Quando suspeitar de uma doença que causa problemas de memória?

O ponto chave é observar se há prejuízo na funcionalidade.

Isso significa deixar de executar tarefas que era habituado a fazer, por estar esquecendo das coisas. 

Por exemplo: Idoso que era muito ativo fora de casa, começa a ter dificuldades para fazer compras, usar um transporte e cuidar das finanças.

Ou também: Deixar de fazer atividades domésticas, como lavar roupas, usar o telefone, preparar alimentos e tomar seus próprios medicamentos, devido aos problemas de memória. 

Em casos mais avançados as doenças que afetam a cognição podem prejudicar até mesmo tarefas básicas, como a capacidade de se vestir, usar o banheiro, tomar banho e se alimentar sozinho, por exemplo.

Uma outra característica preocupante é o fato de os esquecimentos estarem piorando progressivamente com o passar do tempo.

Quais são as principais causas?

Ao perceber essas alterações de memória o ideal é procurar atendimento com um médico geriatra, para avaliar a causa do problema, a qual pode variar de doenças neurológicas como a doença de Alzheimer,  condições psiquiátricas como a depressão e até mesmo doenças metabólicas, nutricionais e hormonais.

Uma causa bem frequente e que pode prejudicar a memória do idoso são deficiências de vitaminas, especialmente às do complexo B.

Com um diagnóstico precoce é possível intervir de forma ágil e precisa, a qual pode significar melhor controle do quadro e em alguns casos até a reversão dos sintomas.

Para agendar uma consulta, clique no link e verifique as possibilidades de atendimentos domiciliares, presenciais em consultório ou por telemedicina.

Envia para seus amigos:

Escrever um comentário

Posts mais lidos

Problemas de Memória no Idoso
Idosos precisam tomar vitaminas?
Doença de Alzheimer
Banner
Alexandre Casco Pietsch - Doctoralia.com.br